domingo, 18 de outubro de 2015

COPA ZONA DA MATA SUB 20 - SÃO JOÃO ESTÁ FORA DA FINAL!

Depois de perder em Santo Antônio do Aventureiro, jogo de ida, para seleção local pelo placar de 3 a 1, o representante de São João Nepomuceno recebeu neste domingo(18), o mesmo adversário para o jogo de volta, valendo vaga na grande final.
     Mesmo sem a presença do técnico Marco Aurélio Ayupe que se encontrava com crise renal, Gustavo Prata que é diretor de esporte do Município e preparador físico do time, mandou a campo um time determinado a reverter o placar do jogo de ida.
     No primeiro tempo, a equipe de São João sobrou no jogo, fez 1 a 0 e teve chance de terminar a primeira etapa vencendo por um placar mais folgado. Logo aos 8 minutos, Michael Robô cobrou falta na entrada da área para defesa parcial do goleiro Heraldo. Na sobra, Matheus aliviou o perigo. Em seguida foi a vez de Cassinho chutar de fora da área. A bola passou com perigo a esquerda de Heraldo. Antes destes dois lances, Ramon teve a oportunidade de abrir o placar. Mas, aos 16 minutos, Robô cobra nova falta. Outra vez o goleiro faz a defesa parcial, mas, desta vez, Ramon chega primeiro que a zaga e faz São João 1x0.
     O gol animou ainda mais os jogadores de São João que continuaram “martelando”. Aos 27, Cassinho teve outra boa chance ao finalizar de fora da área. Ramon abriu jogada na direita e Cassinho finalizou a esquerda de Heraldo. Final de primeiro tempo, São João 1x0 Aventureiro.
     Veio a segunda etapa. Tendo que vencer para levar a decisão para os pênaltis, São João voltou no mesmo ritmo. Aos 6 minutos, Robô chutou de fora da área para ótima defesa de Heraldo.
     Aos 12 minutos, a surpresa. Falta do lado esquerdo de defesa Sãojoanense. Brenner cobra a falta em centro e encontra o artilheiro Lucas que, sem marcação, manda para o fundo da rede. Era o empate.

     A partir deste gol, como numa luta de boxe, São João sentiu o golpe. Ficou exposto e correu o risco da virada. Mas, depois dos 20 minutos, retomou o domínio das ações e voltou a pressionar. Guiricema, que fez ótima partida, chutou de fora da área para boa defesa de Heraldo. Logo depois uma ótima chance. Após cobrança de escanteio, a bola sobrou para Pelezinho que finalizou. A bola tinha endereço certo, mas desviou no lateral Vítor e foi para escanteio. Na cobrança, houve um “bololô” dentro da área dos visitantes. Cassinho teve a chance de marcar mas a bola tocou na zaga, e, no rebote, Noel chutou de bico para boa defesa de Heraldo. Final de jogo, São João, fora da decisão, 1, Seleção de Santo Antônio do Aventureiro, também, 1.
ASSISTA

                 
Com arbitragem de Vanderlei Pires Júnior, auxiliado por Azor Marun e Pedro Landim, São João jogou com Manoel no gol; Cassinho, Noel, Juninho(Ramon II) e Canela; Richardson, Guiricema, Danrley(Bruno) e Robô; Ramon e Pelezinho. Técnico : Gustavo Prata.
     Sob o comando de Wagner Adão a seleção de Aventureiro jogou com Heraldo; Leoni, Paulo, Davi e Vítor; Matheus, Daniel, Brenner e Lincon; Lucas e Geovani(Juan).
     A grande final será entre 15 de Novembro de Rio Novo e Seleção de Santo Antônio do Aventureiro.

Mais registros.
 Azor Marun, Wanderlei Pires e Pedro Landim

 Equipe de São João Nepomuceno

 Ramon foi acompanhado de perto, mas, deixou o dele.

 Zeca e Nica

 Eduardo Ayupe fazendo as anotações

Lucas marcou o gol de empate.

Abraço a todos e até a próxima se Deus quiser!

sábado, 17 de outubro de 2015

XADREZ EM ALTA

Luís Fernando de Mendonça Zampa, nosso Zampinha, que é professor de Inglês, Espanhol,  Xadrez, é maratonista, torcedor do Vasco da Gama e, principalmente, formador de cidadãos, organizou o 1º campeonato escolar de xadrez que acontece na Quadra de Esporte do Colégio CEDI
Rua Sidney Baptista, 151 - Bairro Stiebler (Jujuba)
São João Nepomuceno – MG, com medalhas do 1º ao 5º lugar em cada categoria.
A competição começou hoje e terminará no próximo sábado(24).

A seguir, uma entrevista do Zampinha falando sobre a competição, além de fotos dos competidores.

                         
Mais registros:





Abraço a todos e até a próxima se Deus quiser!

segunda-feira, 5 de outubro de 2015

REGIONAL DE UBÁ – INDUSTRIAL CLASSIFICADO PARA PRÓXIMA FASE

Em partida realizada no campo do Mangueira, em São João Nepomuceno, o Industrial de Ubá aproveitou-se do primeiro tempo, onde o representante de São João  não conseguir se organizar dentro de campo, e construiu um largo placar de 3 a 0. Na segunda etapa, Marco Aurélio Ayupe foi muito feliz na reorganização do time e nas alterações feitas. Marquinho Farofa entrou no lugar de Weverton e foi perfeito na marcação. Matheus substituiu Emerson e deu muito trabalho a defensiva do Industrial. E, por fim, Pelezinho que entrou na vaga de Noel e botou fogo no jogo. A equipe ficou com mais posse de bola e muito ofensiva. A equipe diminuiu o placar para 2 a 3, e, ainda, teve um pênalti cobrado por Odair e defendido pelo bom goleiro Jhoe.
       Aos 33 minutos do segundo tempo, a pressão de São João era grande e parecia que o torcedor que compareceu no Estádio Heleno de Freitas presenciaria uma virada heroica e histórica.
       Mas nosso representante “foi traído pelos nervos”. Primeiro com a expulsão do excelente meia Odair,e logo em seguida o diretor Gustavo Prata, que inicialmente ajudava a contornar um problema no banco de reservas do adversário, se desentendeu com o auxiliar José Carlos Balbino da Costa e  também foi expulso, originando um princípio de tumulto.
        Após o incidente o auxiliar disse a seguinte frase ao delegado do jogo: “ o jogo só terá seu reinicio se houver a presença da  Polícia”. Como não houve acordo, o jogo terminou São João 2x3 Industrial.
        Mas, como no blog do Nei Medina você não perde nenhum lance, abaixo vídeo com os principais lances deste bom jogo. O Industrial está de uniforme branco e marcou o primeiro gol após bola levantada na área de São João com Léo Almeida cabeceando contra sua própria meta. São João respondeu com Max chutando de fora da área para boa defesa de Jhoe. Em seguida, o lateral Dimas fez boa jogada pela direita mas não foi feliz na finalização. Depois da cobrança de falta de Odair, Júnior Gielo escorou de cabeça com a bola passando com perigo. Aos 21 minutos, My God é derrubado dentro da área pelo zagueiro Noel. Pênalti que Beto Júnior cobrou com categoria fazendo Industrial 2x0. Aos 37 minutos da primeira etapa, Molekão chuta de fora da área e amplia para 3 a 0.
Veio o segundo tempo e São João voltou a jogar um bom futebol. Aos 12 minutos, Matheus serve Odair na entrada da área que finaliza de pé esquerdo para boa defesa de Jhoe. Com o cinegrafista meio perdido, Léo Almeida diminui de cabeça aos 16 minutos. Em seguida, Pelezinho faz boa jogada pela esquerda e sofre pênalti. Odair cobra e Jhoe faz ótima defesa. Odair não se abateu e logo após a penalidade perdida, ele cobra falta com perfeição. A bola foi no ângulo se chance de defesa para o ótimo goleiro Jhoe.

ASSISTA.

                      
            Com arbitragem de Cleyton Chagas, auxiliado por José Carlos Balbino da Costa e Moacir Xavier, São João jogou com Douglas no gol; Michel, Noel(Pelezinho), Júnior Gielo(Juninho) e Léo Almeida; Max, Weverton(Marquinho Farofa), Odair e Michael Robô(Richardson); Ramon e Emerson(Matheus). Técnico :  Ayupe.
O Industrial comandado por Júnior Ganso foi a campo com Jhoe; Dimas(Cezinha), Pezinho, Binha e Pablo; Molekão, My God(Ronaldinho), Wilian(Jefinho) e Romário(Romarinho); Beto Júnior e Kamem.
Na próxima e última rodada, São João vai a Ponte Nova enfrentar o 1º de Maio e o Industrial recebe o Cruzeiro de Guidoval. São João precisa vencer e torcer para uma derrota do Cruzeiro.
Classificação:
Industrial                             10
Cruzeiro de Guidoval          8
São João                             5
1º de Maio                           4


Mais registros:
 José Carlos Balbino, Cleyton Chagas e Moacir Xavier

 Equipe da Difusora AM  1420

 O competente Claudinei Paulino ouvindo o excelente Ayupe.

 Equipe da Cultura FM  98,3

 Equipe de São João Nepomuceno

 Adil "craque na bola, craque na Vida". Show de comentários pela 98,3

 Beto Júnior peça importante do Industrial. Binha, zagueirão.

 Molekão, ajudou na marcação e ainda foi ao ataque. Marcou um bonito gol.

Léo  foi o artilheiro da partida. Marcou um contra e outro a favor.

Abraço a todos e até a próxima se Deus quiser!

sábado, 3 de outubro de 2015

NABOR – ZAGUEIRÃO DOS BONS!

Filho de Paulo de Andrade(o sargento Paulo) e Ana Moreira de Andrade, Nabor Geraldo Moreira de Andrade nasceu no dia 07 de dezembro de 1967 na cidade de Cataguases. Jogador de boa técnica e muita explosão muscular, Nabor era um líder dentro de campo e  foi capitão da maioria das equipes que defendeu.
“ Eu nasci em Cataguases, mas, me tornei um Sãojoanense porque vim pra cá muito novo; tinha 2 anos de idade. Comecei minha trajetória no futebol jogando de zagueiro no infantil do Botafogo de São João, sob o comando do competente José Maria Silva. Em 1983 tive uma rápida passagem nas categorias de base do Vasco da Gama, em seguida retornei a São João para novamente jogar pelo Botafogo e depois conquistar dois títulos no Operário Futebol Clube do bairro São José.”

Assista aos dois vídeos onde Nabor conta histórias interessantes de sua carreira. Vale conferir!

               


               
Mais registros:
 Americano de Campos







Obrigado ao amigo Nabor pela bela entrevista.
Abraço a todos e até a próxima se Deus quiser!